sábado, 15 de julho de 2017

Diálogo.

Estava a ser um jantar maravilhoso, naquela esplanada sobre o Lago de Como. Quando chegámos à sobremesa ela preferiu fruta.
– Como ando em dieta, não como doces como tu.
Apesar de lisonjeado não resisti a corrigir:
– Não se diz "como tu", diz-se "como-te".
Ficou irritada.
– Mas que mania! Já pareces o Pacheco do Público!
Para não provocar mais estragos, abstive-me de perguntar qual dos Pachecos.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Esteja à vontade para comentar. E escreva na língua que lhe apetecer, mas escreva bem!