sexta-feira, 2 de junho de 2017

É agora? Está nas tuas mãos responder!


Queres salvar o planeta? Olha primeiro para ti, hipócrita!
Não comas tanto. Tu, português que criticas Trump, comes quase o dobro daquilo que necessitas. E ainda desperdiças toneladas e toneladas de alimentos!
Come o que produzem os teus vizinhos, e não o quivi da Nova Zelândia, a papaia da Indonésia ou o salmão do Chile! Sabes quantas toneladas de gases de efeito estufa emitiu a picanha brasileira ou argentina para chegar ao teu prato?
Não queiras viver numa sociedade em que o turismo é rei. O turismo são milhões de pessoas a deslocar-se constantemente de carro, autocarro, avião... A fazer, na terra dos outros, o que não fazem na sua: gastam mais água, deixam mais lixo, comem ainda mais.
Anda a pé, de bicicleta ou de transporte coletivo. Apaga a TV. Larga os cremes e perfumes.


Depois, sim, depois!, critica o Donald Trump. Aponta-o a dedo. Ofende-o, que ele merece.



3 comentários:

  1. Mas o kivi até já foi "nacionalizado"...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, mas o incrível mundo a que chegámos deu nisto: Portugal produz quivi para exportação (aqui ao lado, a Coop. de Felgueiras orgulha-se de exportar 80% da produção), mas continuamos a ter, maioritariamente, quivi importado nos nossos supermercados! Tenho aqui as últimas estatísticas: em 2013 importámos cerca de 10 mil toneladas e exportámos cerca de 13 mil... E a culpa é nossa, de quem compra, e não do Trump...

      Eliminar
  2. Agradeço-lhe a precisão dos dados, que eu desconhecia.
    Estou longe de simpatizar com Trump que, infelizmente, até é do nosso signo astrológico, mas o bonifrate norte-americano vai servindo, na imprensa e mídias, de bode expiatório de quase tudo. Uma espécie de "não temos sistema!", com que as incompetências institucionais e internacionais, para lá dos comentadores políticos acéfalos e sem assunto, se justificam.

    ResponderEliminar

Esteja à vontade para comentar. E escreva na língua que lhe apetecer, mas escreva bem!