quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Isto sim, é ter uns colhões do tamanho do Evereste!

Uma coisa é pensá-lo e desejá-lo. Outra é escrevê-lo assim, com a certeza de um omnisciente. É mesmo preciso tê-los no sítio. A senilidade tem destas coisas. Pelas palavras deste profeta quase diríamos que entende muito de futebol e que tem uma coluna - o que é verdade, embora não seja vertebral, mas sim n'A Bosta, o tal jornal que ensinou milhões de portugueses a ler. 

(Surripiei o recorte do blogue Sou Portista com muito Orgulho, que está de férias, mas atento).

Sem comentários:

Enviar um comentário

Esteja à vontade para comentar. E escreva na língua que lhe apetecer, mas escreva bem!