domingo, 26 de junho de 2016

Valer pouco


O BPI que lhe pague o que quiser, pois, como é evidente pela situação dos bancos, este é mais um excecional gestor. Mas repugna-me a estatura moral do indivíduo. Enoja-me ter sido escolhido para dirigir o banco que me obrigam a financiar e a dizer que é público.
Isto é  Portugal, o país das elites e do povo que valem pouco e, juntos, eternizam o pântano. Veja-se como exultam com uma equipa de futebol medíocre, de tática cobarde até não poder mais.
Enfim, é o Portugal de sempre. Não admira que os britânicos não queiram manter-se a este nível.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Esteja à vontade para comentar. E escreva na língua que lhe apetecer, mas escreva bem!