quinta-feira, 19 de maio de 2016

Azulejar


Há sempre uma cúpula mais alta e um azul mais amplo, que não cabem no nosso horizonte. Conformem-se.

----
Eu não sei
Se vem de Deus
Do céu ficar azul
Ou virá
Dos olhos teus
Essa cor
Que azuleja o dia

(Djavan: Azul).

Sem comentários:

Enviar um comentário

Esteja à vontade para comentar. E escreva na língua que lhe apetecer, mas escreva bem!