quarta-feira, 13 de abril de 2016

Bater no fundo dos fundos

A época desportiva está a ser horrível para o FC Porto. Pinto da Costa até deu uma entrevista, há alguns dias, em que dizia "batemos no fundo". Foi motivo para humor, naturalmente (Pinto da Costa admite que FC Porto “bateu no fundo” e encontrou lá João Soares; Pinto da Costa reconhece que ‘batemos no fundo’ e anuncia que FC Porto vai pedir assistência ao FMI), mas não era verdade. É que, logo a seguir, descemos ainda mais baixo: Emídio Gomes foi anunciado como vice-presidente e perdemos com o Paços de Ferreira, em apenas dois dias. E, ontem, foi o Público, o baluarte do bem escrever na ortografia patriótica, que colocou o último tijolo na nossa depressão: decretou esta época como uma das "mais piores da história do clube". Se escavarmos mais chegamos à Nova Zelândia.


______________
Mais uma vez, obrigado ao FV, sempre atento aos frequentes disparates linguísticos deste jornal.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Esteja à vontade para comentar. E escreva na língua que lhe apetecer, mas escreva bem!