domingo, 11 de outubro de 2015

Dias depressivos 1: um excerto de Annemarie Schwarzenbach

E, no caminho de volta para o acampamento -- agora o vento do vale bate-nos nas costas -- evitamos seguir à beira-rio, temos medo de escorregar na margem, onde a água é mais funda e negra e lenta, e de mergulhar de cara na água fresca tanto tempo que todas as sensações de dor e desassossego desaparecerão para sempre. Em vez disso, seguimos o trilho das mulas e mantemos o olhar fixo nas tendas.
Annemarie e o seu cão Doktor, em 1936 (fotografia de autor desconhecido).
Como está um tempo estúpido e é domingo, deprimamos um pouco com estas palavras de Morte na Pérsia. A autora, Annemarie Schwarzenbach, foi uma jornalista, escritora e fotógrafa suíça, que morreu em 1942, com apenas 34 anos. Teve uma vida quase inacreditável de aventuras, viagens e comportamentos extremos.

(Edição Tinta da China, 2008; tradução de Isabel Castro Silva).

Sem comentários:

Enviar um comentário

Esteja à vontade para comentar. E escreva na língua que lhe apetecer, mas escreva bem!