domingo, 16 de agosto de 2015

Bretanha: crepúsculo etílico

Uma vez, sem exemplo.


À Dinard, le Ricard, magnifique apéritif.
À Dinan, le dîner, d' huîtres et de rosé.

Au clair de lune, closant la belle soirée,
Une fraîche et pétillante Perrier
Et un puissant Calvados tardif.

----
Nota: de férias, na Bretanha, tiro umas fotografias e publico-as no Facebook. É um meio mais rápido, quase instintivo, e que favorece a interação com os outros. Preguiçosamente, acabarei por ir colocando aqui algumas dessa impressões. Sem ordem, sem regra.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Esteja à vontade para comentar. E escreva na língua que lhe apetecer, mas escreva bem!