quinta-feira, 23 de abril de 2015

Sergio Toppi: mil e uma maravilhas noturnas


O volume desta semana da coleção Novela Gráfica (nem é bem coleção nem a maior parte dos volumes são novelas, mas o Público e a Levoir assim quiseram chamar-lhe) é outra obra-prima, Sharaz-De: Contos das mil e uma noites, do milanês Sergio Toppi (falecido em 2012, com quase 80 anos).

Estes contos começaram a ser publicada em 1979, mas a edição definitiva (agora traduzida de forma um tanto seca para um português de ortografia arcaica) é de 2005.

Diz o prefácio da edição portuguesa (assinado por João P. Boléo) que estas 11 histórias são "seguramente (...) a mais bela versão das 1001 noites em BD", o que é dizer quase nada das suas poéticas páginas.

Para ler e maravilhar, sem qualquer dúvida.



Um grande livro escrito e desenhado sobre outro grande livro: que melhor leitura para o Dia Mundial do Livro?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Esteja à vontade para comentar. E escreva na língua que lhe apetecer, mas escreva bem!