quarta-feira, 2 de julho de 2014

Glad to be gay

O título não significa uma qualquer saída do armário, mas assinala uma coincidência de ontem.

Ao final da tarde estive a recordar o imenso Tom Robinson, especialmente a portentosa canção que é "Glad to be gay" (de Tom Robinson, escrita para a Gay Parade de Londres de 1976, editada no EP Rising Free / Tom Robinson Band, 1978), a qual logo me recordou "Les boys" (de Mark Knopfler, do álbum Making Movies / Dire Straits, 1980).

The British Police are the best in the world
I don't believe one of these stories I've heard
'Bout them raiding our pubs for no reason at all
Lining the customers up by the wall
Picking out people and knocking them down
Resisting arrest as they're kicked on the ground
Searching their houses and calling them queer
I don't believe that sort of thing happens here
Sing if you're glad to be gay
Sing if you're happy that way
Les boys do cabaret
Les boys are glad to be gay
They're not afraid now
Disco bar in Germany
Les boys are glad to be
Upon parade now
Les boys got leather straps
Les boys got SS caps
But they got no gun now
Get dressed up get a little risque
Got to do a little s&m these days
It's all in fun now
Duas grandes canções.

Ora, mais para a noite, tive uma polémica light com um amigo, acerca da "banda desenhada feita por mulheres em Portugal nos dias de hoje", que acabou na leitura rápida do livro "Propaganda", em que Joana Estrela relata o seu dia-a-dia como voluntária na Liga Gay Lituana entre 2012 e 2013 (Ed. Plana, 2014). É, na minha opinião, uma experiência promissora, muito pessoal, mas uma BD ainda da esfera da circulação de tipo fanzine, sem pretensões "profissionais".

A coincidência que assinalei é que este livro trata o mesmo tema das canções, embora aqui na ótica de les girls, que também se exibem em Paradas, têm problemas com as autoridades e cantam, porque are glad.

Uma página do livro de Joana Estrela


Sem comentários:

Enviar um comentário

Esteja à vontade para comentar. E escreva na língua que lhe apetecer, mas escreva bem!